Se Arrependimento MatasseOnde Comprar: Saraiva - Extra - Ponto Frio
Autor: Alma Cervantes
Editora: Novo Século
Número de Páginas: 248
ISBN: 8576799952
Sinopse: "Alex, Alice e Rebeca são grandes amigos e decidem se reencontrar depois de alguns anos sem se verem. O lugar escolhido é o hotel dos pais de Alex, mas o que parecia uma viagem especial, repleta de conversas agradáveis e descontraídas com os outros hóspedes durante o jantar se transforma, em seguida, num pesadelo. Quando os três se preparam para dormir, ouvem batidas desesperadas à porta e seguem ao salão, onde logo descobrem que o cozinheiro fora assassinado. Com a comoção, somada à dificuldade de fuga devido à tempestade e névoa lá fora, a confusão logo se instala no hotel, além de um desagradável clima de suspeita entre os hóspedes. Tensão. A revelação de um detetive. E um desfecho surpreendente."


Resenha: Simplesmente surpreendente! Tô pasma até agora com o final do livro, nunca imaginei que terminaria daquele jeito. A história é muito bem bolada e escrita de uma forma tão instigante que não dá pra parar de ler.
Tudo começa quando Alex, Alice (que é um menino apesar do nome) e Rebeca decidem se reencontrar depois de um bom tempo sem se ver. Eles escolhem ir para o hotel dos pais do Alex, onde haverá um jantar especial na noite em que chegarão, pois os proprietários aguardam um homem para fazer negócios.
Quando eles chegam, Alice e Rebeca ficam impressionados com a grandiosidade do hotel, pois não imaginavam que os pais de Alex tivessem tanto dinheiro. Depois de conversarem um pouco, sobem para se trocar para o jantar. O homem acaba não chegando, e eles continuam normalmente a refeição, e logo após, Alex, Alice, Rebeca e outros dois hóspedes (Frederica, uma mulher misteriosa e muito importante na história, e Dante, um professor que está no hotel pois está no meio de uma mudança e resolveu parar para passar a noite) vão jogar cartas.
Depois que terminam o jogo e já estão todos ou na cama ou se preparando para dormir, as luzes se apagam subitamente. Claro que todos se assustam, e os amigos se assustam mais ainda quando uma forte batida é ouvida na porta. Quem era? O pai de Alex, que foi buscar o filho e os amigos depois de saber da morte do cozinheiro.

Quando todos estão reunidos e veem a cena do crime, cada um tem uma reação diferente, mas todos temem que o assassino ainda esteja a solta. Após um momento de insanidade em que o professor sai (em meio a uma tempestade fortíssima e uma névoa fora do normal) para tentar ir embora de carro, acaba descobrindo que todos, absolutamente todos os carros foram sabotados, e eles não tem como fugir.
Então, Frederica começa a agir, e chama um por um, interrogando todos para saber como foi o dia inteiro deles. O porque ninguém sabia, mas a mulher aparentemente sabe oque está fazendo e quer ajudar, e como o assassino pode ser qualquer um deles, todos resolvem colaborar.
Depois que todos foram interrogados, a coisa sai do controle quando a maioria decide ir para o prédio onde ficava o quarto dos empregados, mesmo com a chuva torrencial e a névoa extremamente forte.
Claro que tudo ocorre mal, e mais uma pessoa morre.

Assim que pegam o corpo e se reúnem no prédio, todos estão muito tensos (obviamente), mas depois de um tempo conseguem se distrair e conversar um pouco. Até que novamente outra pessoa surta. Dessa vez é John (outro hóspede), e Alex e Dante resolvem ir atrás dele. Tudo bem que ele foi um estúpido em sair assim, do nada, para o outro prédio, mas não podiam deixar ele sozinho com um assassino por aí.
Mas novamente tudo da errado, e logo a pessoa mais improvável e que não deveria morrer, acaba morrendo. Porém, felizmente, tudo estava chegando ao fim. Após encontrarem o corpo, os presentes no prédio principal iam voltar para o prédio dos empregados quando dão de cara com um homem. E não, não era o assassino, era só um policial (e nesse momento descobrem que ele é conhecido de Frederica e que ela é uma, digamos, investigadora ou coisa do tipo).
Depois de Frederica ver a cena do aparente último crime da noite, a moça deseja novamente interrogar cada um, por mais que já saiba quem é o culpado, ela quer (e precisa) ter certeza.
Mas quem será que está por trás disso??? Charles, o dono do hotel e pai do Alex, para fugir de todas as sua dívidas? Ou seria John, aquele hóspede misterioso que fugiu para aparentemente esconder algo?? Também pode ser o Jeremiah, o empregado estranho e extremamente irônico, que desde o início parece estar levando tudo na base do deboche? Não descartados, todos os outros podem ser o verdadeiro assassino, inclusive Frederica!

Bom, isso vocês só vão saber lendo (muahahahaha!). E como eu disse no início, o fim é totalmente louco e incrível, com um desfecho digno dos grandes filmes policiais de Hollywood!
Eu amei demais o livro, por mais que o início tenha sido um pouco entediante, o resto todo do livro compensa. Estou pasma até agora com tamanha imaginação e criatividade do Alma, que junto com a escrita excelente renderam um ótimo livro!
Meu status atual com certeza é: aguardando um novo livro do Alma Cervantes! Deixo aqui meus parabéns para ele e minha total indicação para vocês. Foi a primeira experiência minha com um livro policial e do gênero suspense, e olha, foi uma ótima primeira experiência!

2 Comentários